Bora de Brasileirão! A maior oferta de jogos por um preço que dá jogo. Assine o Premiere!

A Polícia Federal concluiu que o Ministro do governo Bolsonaro, Ciro Nogueira (PP-PI) cometeu crime de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O STF deve enviar o material relatório para a PGR.

Carta Capital – A Polícia Federal concluiu que o ministro da Casa Civil Ciro Nogueira (PP-PI) recebeu propinas do grupo J&F e, por isso, cometeu os crimes de corrupção passiva e lavagem de dinheiro. O relatório final da investigação foi enviado nesta sexta-feira ao Supremo Tribunal Federal (STF).

Logo Rádio PT
http://radio.pt.org.br/

Agora, o STF deve enviar o material para o Procurador-geral da República, Augusto Aras, definir se apresenta denúncia contra Ciro ou se arquiva o caso.

Os pagamentos de propina teriam sido feitos a Ciro para que o PP apoiasse a campanha de reeleição de Dilma Rousseff em 2014. A PF rastreou, dentre outros pontos, repasses feitos a um irmão do senador por meio de um supermercado fornecedor do grupo J&F.

Leia a íntegra na CartaCapital

SEJA SÓCIO REI AGORA!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.