• Mundo
  • Notícias
  • Mulher usa medicamento inédito para beleza e fica com “rosto de múmia”

Mulher usa medicamento inédito para beleza e fica com “rosto de múmia”

2 meses ago
192

A mulher russa se submeteu ao procedimento porque seu então namorado dizia que ela estava envelhecendo

Uma mulher identificada como Svetlana, de 37 anos, afirma que seu rosto encolheu e ficou semelhante ao de uma múmia após um tratamento de beleza fracassado. De acordo com o jornal The Mirror, a mulher conta que se submeteu a uma cirurgia após ser instigada pelo médico a usar um medicamento inédito.

Conforme a publicação, ela teria sido aconselhada pelo profissional a remover antigos implantes de gel de levantamento injetando Longidaza, um medicamento russo aprovado recentemente em alguns países ocidentais.

Contudo, o procedimento não deixou Sventlana nada contente. “Minha pele cedeu como um trapo, o rosto se afastou completamente do crânio”, desabafa. “É como se eu tivesse morrido, você se decompõe e vê isso todos os dias no espelho”.

Para a mulher, “é como se seu rosto estivesse derretendo”. Ela garante que seus relacionamentos foram arruinados e que “os médicos não sabem tratar”. O pior de tudo é que Sventlana se submeteu ao procedimento porque seu então namorado dizia que ela estava envelhecendo. O rapaz a deixou quando o tratamento de beleza deu errado.

Conforme a russa, os resultados negativos do Longidaza surgiram rapidamente — na noite após o procedimento. “Fui até o espelho e vi que meu rosto tinha começado a mudar. A pele sob meus olhos secou e caiu. A cada hora meu rosto estava mudando. Em três dias, não só a parte inferior do olho, mas também a pálpebra superior estava completamente seca”.

De acordo com o jornal britânico The Mirror, Sventlana foi informada dias depois que o Longidaza, um medicamento anti-cicatriz alergênico, estava “corroendo” os tecidos de sua pele.

Preocupada com a estética, a russa se submeteu a mais procedimentos, sem sucesso. Agora, a mulher luta na Justiça contra os responsáveis pelo tratamento fracassado. “Não se pode confiar cegamente nos médicos, mesmo com muitas qualificações”, lamenta.

Svetlana

SvetlanaReprodução

Svetlana

A russa Svetlana era assimReprodução

Svetlana

Svetlana

Svetlana

Svetlana
Svetlana
Svetlana
Svetlana

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Siga-nos

Nossas redes sociais

Outras notícias

Notícias mais recentes
f
furar pneus de carro e esfaquear ex-namorado

Policial civil do DF é presa após ‘stalkear’, furar pneus de carro e esfaquear ex-namorado

Essa é a terceira vez que a mulher é presa por crimes cometidos contra ex-namorados Uma policial civil do Distrito Federal (PCDF) foi presa, no último domingo (28/11), suspeita de stalkear, furar pneus do carro e esfaquear o ex-namorado. O caso...

2
A ENTEADA DE 1 ANO E 8 MESES

HOMEM MATA A ESPOSA GRÁVIDA, A ENTEADA DE 1 ANO E 8 MESES, ALÉM DO VIZINHO EM CORUMBÁ DE GOIÁS

3
Lava Jato

Segunda Turma do STF derruba bloqueio de bens de Lula em processos da Lava Jato

4
"Mão - Pé- Boca

10 casos de síndrome “Mão – Pé- Boca foram registrados em Anápolis