Decisão foi tomada em Assembleia Geral do Sinpma na noite desta quarta-feira, 27. Sindicato alega que o reajuste de 18% não é suficiente. O valor foi acordado entre a Prefeitura e o órgão e já está sendo cumprido desde janeiro

Em dezembro de 2021, a Prefeitura de Anápolis concedeu a todos os servidores do município um reajuste de 18% no salário. O acordo começou a ser cumprido em janeiro deste ano e é considerado o maior reajuste salarial do Estado de Goiás. Mesmo assim, na noite desta quarta-feira, 27, o Sindicato dos Professores de Anápolis (Sinpma), anunciou uma paralisação programada para o dia 09 de maio. Entre as exigências do Sindicato, está um reajuste salarial ainda maior pois, segundo eles, os 18% concedidos são referentes a anos anteriores.

Uma matéria divulgada esta semana pelo jornal DM Anápolis mostra que estão surgindo movimentos grevistas em todo o Brasil, inclusive várias capitais. Os movimentos organizados por diversos tipos de Sindicatos são comuns em períodos eleitorais. Em Anápolis, historicamente, os sindicatos ligados aos servidores municipais sempre tiveram apoio dos partidos de esquerda.

Não se sabe ainda se, além da paralisação, o Sindicato vai propor uma greve. Esta decisão deverá ser tomada nos próximos dias e já causa ansiedade nos pais e cuidadores de alunos da rede municipal que ficaram por mais de um ano fora das salas de aula devido à pandemia da Covid-19. Também não se tem a confirmação de que o movimento de paralisação vai contar com o apoio maciço dos professores, pois por enquanto trata-se apenas de algo organizado pelo Sindicato que os representa.

57 thoughts on “Mesmo com 18% de aumento no salário dos professores, Sindicato anuncia paralisação”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.