Laudo médico aponta que esposa de personal tem “transtorno bipolar em fase maníaca psicótica”

Médicos do Hospital Universitário de Brasília (DF) afirmaram, em laudo, que a comerciante Sandra Mara Fernandes, de 33 anos, apresenta sinais de “transtorno afetivo bipolar em fase maníaca psicótica”. Segundo o relatório médico, desde que Sandra deu entrada no hospital, apresenta alucinações auditivas, “delírios grandiosos e de temática religiosa”, hipertimia – alteração de humor -, falso reconhecimento, e “comportamentos desorganizados e por vezes inadequados”. 

A mulher está internada há pouco menos de 20 dias, desde que foi flagrada no último dia 9 pelo marido, o personal trainer Eduardo Alves de Sousa, de 31 anos, tendo relação sexual com o sem-teto Givaldo de Souza, de 48, dentro do próprio carro, em Planaltina (DF). O morador de rua foi espancado por Eduardo.

A mulher está internada há pouco menos de 20 dias, desde que foi flagrada no último dia 9 pelo marido, o personal trainer Eduardo Alves de Sousa, de 31 anos, tendo relação sexual com o sem-teto Givaldo de Souza, de 48, dentro do próprio carro, em Planaltina (DF). O morador de rua foi espancado por Eduardo.

De acordo com a advogada Auricelia Vieira de Souza, representante do casal, ainda não é possível dizer se o morador de rua teria se aproveitado do estado de fragilidade de Sandra. A advogada afirmou que a cliente dela continua internada e não há prazo para alta.

“Seria leviano a gente antecipar qualquer tese. Nós confiamos no trabalho da polícia. É uma análise multidisciplinar. Nossa atuação é humanizada, graças a Deus. Em torno da violência sexual, há uma órbita de teses que podem ser exploradas, um aspecto por si só não pode tratado como palavras ao vento”, disse. 

Reação da bancada feminina da Câmara 

Em nota, parlamentares da Secretaria da Mulher disseram que Givaldo teve uma atitude “desrespeitosa e ofensiva”. “Givaldo foi atendido em um hospital, passou por um abrigo onde foi acolhido e, desde então, passou a conceder inúmeras entrevistas sobre a situação, ganhando notoriedade. Sandra teve sua intimidade exposta e encontra-se desde então internada em clínica psicológica, sob intensos cuidados especializados. Inclusive, laudo médico já divulgado mostra que Sandra foi diagnosticada com “transtorno afetivo bipolar em fase maníaca e psicótica”, disse.

“Em várias entrevistas concedidas à imprensa, Givaldo se manifestou de forma desrespeitosa e ofensiva, ao narrar os fatos ocorridos, o que levou a advogada da família de Sandra, Dra. Auricélia Vieira, a emitir nota repudiando as declarações e atitudes dele”, afirmou. 

“A Secretaria da Mulher, como órgão político e institucional que atua em benefício e defesa da população feminina brasileira, não poderia deixar de se manifestar nesse caso, como tem feito em outros, repudiando quaisquer manifestações que aprofundem as desigualdades, o desrespeito, o preconceito e a violência contra as mulheres”.

One thought on “Laudo médico aponta que esposa de personal tem “transtorno bipolar em fase maníaca psicótica””

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.