“Ela deveria conquistar o mundo, mas morreu enterrada nos escombros”, lamentou a técnica de Kateryna Diachenko

A guerra entre Rússia e Ucrânia segue fazendo vítimas e escrevendo histórias horrendas. Desta vez, o mundo e os ucranianos perderam uma promessa da ginástica rítmica. A jovem estrela Kateryna Diachenko, de só 11 anos, morreu após sua casa ser atingida por um míssil em Mariupol, uma das cidades mais devastadas pelos ataques russos que já duram semanas.

Técnica da ginasta, Anastasia Meshchanenkov se mostrou devastada com a notícia. Num depoimento de raiva, dor e indignação ela reforçou a ideia de interromper um futuro brilhante e pediu justiça.

– Ela deveria conquistar o mundo, mas morreu enterrada nos escombros. Pode haver alguma justificativa para isso? Olhe para essa garota talentosa. Ela deveria dar seus sorrisos para o mundo. Do que as crianças são culpadas? Acredito que há um espaço no inferno para todos os envolvidos – e o mais rápido possível – disse.

Kateryna Diachenko e sua técnica — Foto: Divulgação
Kateryna Diachenko e sua técnica — Foto: Divulgação

Mariupol, a cidade de Kateryna Diachenko, está sendo uma das mais atingidas pela guerra. Com uma população de quase meio milhão de pessoas, o município localizado no sudeste da Ucrânia foi invadido por forças leais ao presidente Vladmir Putin, incluindo forças especiais chechenas, onde estariam enfrentando tropas ucranianas.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.