Após denúncias de duas mulheres sobre crimes sexuais, o Gerente da Unidade Básica de Saúde do bairro São José Ramão Teixeira Gauto, 50 anos, foi preso nesta manhã pela Polícia Civil dentro da Unidade de Saúde.

Em Tempo:

A Delegacia Especializada em Atendimento à Mulher deflagrou, na manhã desta terça-feira (05), a Operação Resguardo, que prendeu o gerente da Unidade Básica de Saúde São José, por suspeita de estupro e abuso sexual. Segundo a delegada responsável pela operação, Isabella Joy, as vítimas são funcionárias da unidade.

De acordo com a delegada, duas vítimas procuraram a delegacia no dia 28 de março para denunciar o suspeito. Uma relatou que o gerente a trancou em uma sala dentro da unidade, tentou agarrá-la e a tocou nas partes íntimas.

Já outra vítima que atua como serviços gerais no posto de saúde, relatou que o suspeito a estuprou seis vezes. A prisão aconteceu dentro da unidade de atendimento. Outra vítima deve ser ouvida ainda essa semana.

O suspeito já tem passagem por estupro no Mato Grosso do Sul, mas o processo foi arquivado. Foram apreendidos o computador e celular do gerente, pois segundo as vítimas, o suspeito enviava fotos íntimas para elas.

SEJA SÓCIO REI AGORA!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.