Dez crianças receberam a dosagem de adulto quando foram se vacinar contra a Covid-19 em um posto de saúde de Abadia de Goiás, na Região Metropolitana da capital. A prefeitura informou que o erro foi isolado e que a enfermeira responsável foi afastada da função.

A Secretaria Municipal de Saúde de Abadia de Goiás (SMS) disse que as crianças receberam o imunizante destinado aos adultos em 1º de abril e que faz acompanhamento médico desde então.

A prefeitura não divulgou os nomes das crianças e dos pais. Por isso, o g1 não localizou os familiares para se manifestarem até a última atualização desta reportagem. A nota também não informou qual marca de vacina foi aplicada.

O infectologista Marcelo Daher explicou que a aplicação errada da dosagem pode aumentar a chance de a criança desenvolver um efeito colateral adverso, mas sem maiores riscos.

“Não tem problema maior ter aplicado a dose de adultos. Não vai causar gravidade para a criança. Pode aumentar um pouco a chance de ter efeito adverso, o que está sendo monitorado, mas sem maiores riscos”, esclareceu o médico.

Durante a assistência, a SMS registrou apenas reações normais da vacina, conforme divulgado na segunda-feira (11). As dez famílias que tiveram o imunizante adulto aplicado no lugar do infantil, foram notificadas pela SMS.

O erro na aplicação da vacina foi avisado à Coordenação Municipal de Imunização pela própria enfermeira. A SMS ressaltou que todos os profissionais de imunização do município terão os treinamentos intensificados para que o mesmo erro não seja cometido.

Fonte: G1

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.