Maior objetivo do partido é eleger Lula, mas legenda já faz mobilizações por Wolmir Amado e espera bancada significativa no Legislativo

O PT goiano realizou encontros regionais em Orizona, Goiás e Catalão no último fim de semana para consolidar as chapas proporcionais e estratégias de campanha. As lideranças da sigla saíram confiantes na composição dos nomes das chapas para deputados estaduais e federais.

A deputada estadual Adriana Accorsi, pré-candidata à Câmara Federal, afirmou que a chapa para a Assembleia Legislativa deve ser a “melhor da história”. O grupo conta com o deputado Antônio Gomide, a presidente do Sintego, Bia de Lima, o vereador por Goiânia, Mauro Rubem, e a ex-deputada federal Marina Sant’anna.

“Temos nomes muito fortes, com excelentes chances de se eleger. Nossa chapa para deputados estaduais é uma das melhores chapas da nossa história, com grandes lideranças do partido e de movimentos sociais”, disse ao DG.

 

Na chapa para federais, o PT vai, além de Accorsi, com Rubens Otoni, o ex-reitor da UFG, Edward Madureira, e o coordenador do MST em Goiás, Valdir Misnerovicz. “Independente de acontecer a federação ou não, teremos os nomes para ocupar toda a chapa”, afirmou a deputada, referindo-se à federação de esquerda, com PV e PCdoB.

Os encontros regionais do PT tiveram também por objetivo promover a pré-campanha de Wolmir Amado ao governo estadual. “Esses encontros regionais são uma tradição do PT. Estamos em todo o estado de Goiás, com diretórios e militância em todas as cidades. Estamos muito animados. A esperança de vencer as eleições presidenciais nos anima profundamente e entendemos que temos uma grande chance”, disse.

Em Catalão, no domingo (27), apoiadores de Jair Bolsonaro protestaram contra os petistas, num ato repudiado por Accorsi. “Lamentamos muito essas manifestações de intolerância. Todos têm direito de fazer suas reuniões sem ser hostilizados. Mas foi algo ínfimo, irrelevante, pois havia poucas pessoas”, criticou.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.