O pai de um #fem1nicida que trocou t1ros com agentes da Polícia Civil do DF (#PCDF) na última quinta-feira (8/2) não resistiu aos ferimentos e morreu no hospital. Gilmar Vieira de Melo (foto em destaque) era pai de Wesly Denny da Silva Melo, 29, suspeito de execut4r a ex-mulher no início de janeiro.

O #sargento da reserva foi baleado durante operação do Ministério Público do Distrito Federal e Territórios (MPDFT). A intenção era localizar armas de fogo ilegais vinculadas a Wesly Denny.

Gilmar faleceu neste sábado (10/2) após ficar dois dias internado. No dia da troca de #tiros, ele havia sido baleado na barriga e chegou a ser socorrido e levado ao hospital.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *