O sonho da casa própria está mais próximo de se tornar realidade para 140 famílias, do grupo C, contempladas pelo programa ‘Meu Lote, Minha História’. Eles participaram do sorteio dos endereços e já receberam o termo de posse dos lotes. O evento aconteceu nesta terça-feira, 23, no Teatro Municipal e contou com a presença do prefeito Roberto Naves, da deputada estadual e primeira-dama Vivian Naves, da secretária de Integração Eerizania Freitas e de outras autoridades da gestão municipal.

“Hoje peguei meu termo de posse e é o primeiro passo de um grande sonho, que é ter minha casa própria pra criar meus dois filhos. Essa oportunidade chegou num momento muito bom da minha vida e vai ser o primeiro de muitos passos bons que eu vou dar”, celebrou Amanda Gomes Peixoto Firmino, de 33 anos, contemplada com um lote no Residencial Bela Vista.

Os lotes sorteados estão localizados nos bairros Calixtolândia 1ª etapa, Jamil Miguel 2ª etapa, Arco-Íris e Bela Vista, além do Jardim Primavera 2ª etapa. O sorteio das regiões deste grupo foi realizado no dia 11 de dezembro e, logo após, as famílias receberam as visitas das equipes da assistência social para a comprovação dos documentos apresentados no ato da inscrição. Dos 150 candidatos iniciais do grupo C, 140 foram habilitados e contemplados com as unidades habitacionais.

“Esse é o único programa habitacional 100% municipal, custeado com aquilo que a gente produz em nosso município. E vocês estão aqui hoje sendo contemplados porque acreditaram que é possível fazer justiça social sem precisar fazer favor político. Cada um de vocês vai receber seu lote sem precisar conhecer ninguém, sem precisar de apoio político, vocês estão aqui por merecimento, e nós desejamos que sejam muito felizes, que construam uma nova história”, disse o prefeito Roberto Naves.

Além do termo de posse de cada lote, com média de 150 m², cada família receberá o projeto completo da casa, de 51,99m² de 2 quartos ou de 3 quartos com 64,27m², desenvolvidos pela equipe da Secretaria de Habitação e que já contemplam os projetos arquitetônico, elétrico e hidráulico, e também com todas as autorizações necessárias para iniciar a construção.

“Esse já é o momento de começar a juntar um dinheirinho pra construir o lar de vocês, não apenas uma casa. Muito mais que uma casa, nós queremos um lar, um lugar pra falar que é nosso. A gente consegue criar memórias afetivas quando é nosso. Quero parabenizar todos vocês que chegaram até aqui e que hoje saberão o local onde poderão iniciar esse sonho. E isso só foi possível graças à gestão do prefeito Roberto Naves, que nos deu a oportunidade de realizar esse programa junto à assistência social e pode levar isso a vocês”, discursou a primeira-dama Vivian Naves, emocionando pais e mães de família presentes para o sorteio.

Para a secretária Eerizania Freitas, titular da Secretaria de Integração, responsável pela condução do programa, o comprometimento da gestão municipal com a dignidade de moradia dos anapolinos é o grande diferencial. “Quando a gente vê uma gestão que entende a importância de atender as nossas famílias em vulnerabilidade social e dar a elas a dignidade de moradia através desse grande programa, que é o ‘Meu Lote, Minha História’, temos o pleno entendimento de que o cuidado para com as pessoas é a prioridade”, comentou.

Próximo passo

Os contemplados com os lotes já podem entrar em contato pelo Zap 24h para solicitar os modelos de plantas, escolher um entre eles, preencher e enviar o formulário assinado. Após 30 dias, devem entrar em contato novamente pelo Zap 24h para receber o alvará de construção e o projeto arquitetônico de acordo com o modelo de planta escolhido. Após receberem os alvarás, cada beneficiário tem o prazo máximo de 12 meses para iniciar a construção da sua casa.

O que os demais grupos precisam saber

Os beneficiários dos grupos A e B que já receberam o termo de posse, escolheram as plantas e já estão de posse dos alvarás de construção, já podem iniciar suas construções. Aqueles que ainda não escolheram a planta e consequentemente não estão com os alvarás devem entrar em contato com o Zap 24h para iniciar o processo.

Os candidatos do grupo D já estão no período de marcação das visitas técnicas e têm até o dia 31 de janeiro para realizar o agendamento. O sorteio das regiões para este grupo está previsto para o dia 1º de fevereiro, às 18h, no Teatro Municipal. Já os candidatos do grupo E continuam aguardando pelo período de agendamento das visitas.

Em tempo

O Meu Lote, Minha História foi lançado em 2022 e é o primeiro programa habitacional criado por uma gestão municipal em Anápolis. Uma vez que a habitação não é responsabilidade dos municípios, o prefeito Roberto Naves inova e lança um programa habitacional, nunca realizado antes em Anápolis, para dar dignidade de moradia para as pessoas em situação de vulnerabilidade social.

No período de inscrições foram mais de 10 mil candidatos inscritos, 2,8 mil foram habilitados e 798 iniciaram o processo, divididos em 5 grupos, definidos por ordem de classificação que levou em consideração, conforme edital, renda per capita e composição do grupo familiar, dentre outros critérios. Dos 798 candidatos, 415 já foram contemplados com o termo de posse e 383 ainda estão participando do processo.

Patrocinado

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *